ArtigosGravidez

Grávida Pode Tomar Chá Mate?

Durante a gravidez nem todo chá é permitido. Descubra agora se o mate está nessa lista

Na gestação, muitas mulheres recorrem ao bom e velho chazinho para relaxar ou aquecer o corpo em uma noite mais fria. Porém, será que esse tipo de bebida é sempre positivo e benéfico? Tomando como base essa questão, o artigo de hoje vai analisar se grávida pode tomar chá mate.

Sendo assim, caso você goste desse preparo de ervas tão conhecido e saboroso, não deixe de conferir o texto. Boa leitura!

Grávida pode tomar chá mate: analisando a questão

O chá mate é preparado a partir da erva mate, que é muito cultivada na Argentina e na região Sul do Brasil. Pode-se dizer que é uma das bebidas naturais mais populares do país e traz diversos benefícios para a saúde, desde prevenção de câncer até tratamento contra celulite.

Contudo, quando se fala de gravidez, as vantagens desaparecem e, de acordo com os médicos, as mulheres não devem consumir o produto durante esse período.

As propriedades gerais do chá

O chá mate é rico em vitaminas e minerais. Em sua composição, é possível encontrar:

  • cálcio;
  • potássio;
  • magnésio;
  • vitamina B;
  • vitamina C
  • ácido fólico etc.

De forma geral, ele tem efeito antioxidante, diurético e ajuda a diminuir os níveis de colesterol. Mas não na gestação.

Entenda por que é prejudicial

Apesar de todas as propriedades positivas, grávida não pode tomar chá mate. A razão para isso está na cafeína, ingrediente presente na bebida e que é um estimulante do sistema nervoso central.

Assim, quando você ingere o chá, ele tende a deixá-la agitada, acelerando o metabolismo. O resultado são batimentos cardíacos mais intensos, algumas vezes taquicardia e ansiedade.

Esses sintomas não afetam apenas as mães, mas também o bebê. Afinal de contas, a cafeína consegue cruzar a placenta e alcançar a corrente sanguínea do feto. Desse modo, os pequenos podem nascer viciados na substância.

Além de tudo, altos níveis de cafeína estão associados a parto prematuro e abortos. Por todas essas razões, a ingestão de café, chá mate, Coca-Cola, energético, entre outros, não é indicado na gestação.

Quais os chás que também podem causar problemas?

Abaixo, selecionamos outros quatros chás que também devem ser evitados por mulheres grávidas.

  • Canela: contrai os músculos do útero e causa constrição sanguínea;
  • Chá preto: possui muita cafeína;
  • Hortelã: diminui a produção de leite;
  • Chá de boldo: pode possuir efeitos tóxicos quando consumido de forma prolongada por conta da substância ascaridol.

Quais os chás que  fazem bem para a gestante?

Depois de conhecer os chás que as gestantes não podem tomar, que tal conferir algumas opções que saborosas e liberadas durante esse período? A seguir, listamos algumas opções.

  • Erva-doce: melhora a produção de leite e regula a pressão arterial, além de diminuir desconfortos estomacais;
  • Lavanda ou Alfazema: combate o estresse e melhora o sono;
  • Capim-limão: combate o enjoo, o mal-estar e inflamações gerais;
  • Erva-cidreira: diminui a sensação de inchaço, ajuda na digestão e tem efeito calmante.
  • Camomila: o chá de camomila ajuda a controlar a ansiedade, as dores estomacais leves e até mesmo os enjoos.

Bem, agora você já sabe que o chá mate não deve ser consumido no período gestacional, não é mesmo? Isso porque, mesmo com os benefícios que a erva apresenta, a cafeína presente na bebida prejudica a mãe e o bebê, podendo levar a nascimentos prematuros ou abortos.

Aproveite e compartilhe este post nas redes sociais. Assim, você ajuda outros a saberem se grávida pode tomar chá mate ou não. Até breve!

Comentários:

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo